SÁB, 9 NOV 14h30 // Seminário “Maternidade: Desconstruindo Mitos”

No próximo Sábado, 9 de Novembro terá lugar no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) em Lisboa/Alcântara, o Seminário organizado pela UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, “Maternidade: Desconstruindo Mitos” com comunicações e debates cruciais sobre esta vasta temática numa perspectiva feminista.

PROGRAMA SEMINÁRIO MATERNIDADE: DESCONSTRUINDO MITOS

  • 14h30 Percurso Histórico da maternidade como destino das mulheres, por Helena Nenes (socióloga)
  • 15h00 Reflexão sobre o avanço da Ciência na Reprodução, por Paulo Navarro Costa (biólogo)
  • 15h30 Adopção e Maternidade Biológica, testemunhos de Virgínia Baptista, Carla Travessa, Sandra Queiroz e Susana Firmino
  • 16h30 Maternidade de Substituição, por Ana Campos (médica ginecologista/obstetra)
  • 17h00 Direitos das Crianças ou Direito à Criança? por Fernanda Salvaterra (psicóloga, investigadora IAC)
  • 17h30 “Debate e Conclusões”, moderação Idalina Rodrigues (médica)

Contamos contigo! Entrada livre.

QUA, 25 JUL 18h00 // Violência de Género na Gravidez, Parto e Criação

Esta conferência “Violência de Género na Gravidez, Parto e Criação” realiza-se em no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) numa parceria com o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia do Instituto Universitário de Lisboa (CIES-IUL) e a Associação Portuguesa pelos Direitos da Mulher na Gravidez e Parto.

A convidada é Serena Brigidi, antropóloga e activista com um longo e rico trajecto no âmbito das questões de género na gravidez, parto e criação. Imperdível para quem se interessa pela perspectiva de género e feminista nestas fases do ciclo de vida das mulheres e sobre a violência obstétrica como forma de violência de género.

37627840_2139029953048972_5437563149471449088_n

A sessão proporcionará algumas reflexões em torno das áreas e estruturas da violência obstétrica: quem são os/as sujeitos/as envolvidos/as; como se desenvolve e como, nas nossas sociedades, o processo de socialização determina uma representação violenta do parto.

Serena Brigidi é doutorada em Antropologia Médica, investigadora e docente na Facultat de Ciències de la Salut i Benestar de la Universitat de Vic e na Universitat Rovira i Virgili, trabalha sobre temas de género e saúde no contexto da gravidez, parto e cuidado das crianças. É co-fundadora do MATER – observatório das maternidades e paternidades contemporâneas, sócia de DONA LLUM – associação catalã para um parto respeitado e co-coordenadora do OVO – observatório da violência obstétrica de Espanha.

Para saber mais sobre Serena, consulte https://www.linkedin.com/in/serenabrigidi/

QUI, 23 Junho | 18h00 | Tertúlia Gestação de Substituição

Na próxima 5.ª feira, 23 de Junho, a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, associação que tem como missão defender os direitos das mulheres nas leis e na vida, o que passa também pela informação e esclarecimento, promove uma Tertúlia sobre Gestação de Substituição na sua sede nacional / Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR), para ajudar a esclarecer dúvidas sobre este tema, debatido este ano no parlamento e cuja proposta aprovada foi vetada no início deste mês pelo actual Presidente da República.

13501637_10154009028284760_3708799947283504272_n

Mais informações, no evento do Facebook.

Saudações feministas da UMAR.

SEG, 18 Abril, 18h30 | Protecção e Direitos das Mulheres Trabalhadoras em Portugal 1880-1943

2.ª feira, 18 de Abril às 18h30 será apresentado no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) o livro recém-publicado de Virgínia Baptista Protecção e Direitos das Mulheres Trabalhadoras em Portugal 1880-1943 baseado na sua investigação de doutoramento sobre as políticas públicas destinadas à regulamentação do trabalho das mulheres e à protecção da maternidade.

A apresentação será feita por Anne Cova, historiadora e investigadora no ICS – Instituto de Ciências Sociais, com a presença da autora.

Virginia Baptista

Entrada Livre!

Saber mais na páginaevento no Facebook do CIIF/UMAR.