SEX, 29 JUN 18h // Gerações em Diálogo: Graça Marques Pinto e Mariana Carneiro

Na última 6.ª feira do mês de Junho, dar-se-á pelas 18h00 no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR), mais uma sessão do ciclo Gerações em Diálogo com a resistente anti-fascista Graça Marques Pinto e sua filha, Mariana Carneiro, socióloga do trabalho e editora do Esquerda.net.

Partilhamos aqui, testemunho de Graça Pinto (Magaça) na resistência ao fascismo e sua passagem pela clandestinidade.

Cartaz Mariana Carneiro

A socióloga Cristina L. Duarte será a moderadora desta tertúlia.

A não perder! Entrada livre.

 

Anúncios

SEX, 25 Maio, 18h00 // Gerações em Diálogo: São José Lapa e Inês Lapa

Após o evento “Literatura e Feminismos” com a escritora peruana Cláudia Salazar no dia 21 de Maio e do lançamento do programa do RAMA EM FLOR – Festival Comunitário Feminista Queer no dia 23, teremos esta 6.ª feira 25 de Maio no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) mais uma edição do ciclo Gerações em Diálogo.

As convidadas desta conversa são a actriz e encenadora São José Lapa e sua filha, actriz, cenógrafa e produtora, Inês Lapa.

A moderação estará a cargo de Teresa Sales.

25maio2.jpg

SEX, 20 Abril, 18h00 // 2.ª sessão do Ciclo “Gerações em Diálogo”

O Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) irá ser palco desta tertúlia entre mãe e filha, integrada no ciclo “Gerações em Diálogo”.

Alice Brito, advogada, militante política e feminista, cronista em alguns periódicos regionais e online estará em diálogo com a sua filha Ana Brito, educadora comunitária, tendo como pano de fundo os seus activismos feministas.

Alice e Ana Brito

Evento, aqui.

Esperamos por ti, vem participar na conversa, também!

O CCIF/UMAR ao rubro! Eventos a não perder nos dias 13, 14 e 15 de Março.

O Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) estará ao rubro nesta semana. Iniciaremos os ciclos “Artes e Feminismos” e “Gerações em Diálogo” e acolheremos o “Newroz Party” do Festival de Cinema Curdo, do qual a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta é uma das entidades parceiras.

TER, 13 MARÇO, 18H00 // CICLO ARTES E FEMINISMOS, COM A PINTORA LENA GAL

Na 3.ª feira, 13 de Março daremos início ao Ciclo Artes e Feminismos, cuja primeira sessão contará com a participação da pintora Lena Gal. Entrada livre.

Lena Gal 13032018

QUA, 14 MARÇO, 19h00 // NEWROZ PARTY – Warm-Up do Festival de Cinema e Artes Curdas

Na 4.ª feira, 14 de Março acolheremos o evento “Newroz Party” que abre o 1. º Festival de Cinema e Artes Curdas em Portugal e que dará a conhecer muito da cultura curda (cinema, literatura, pintura e música) à cidade de Lisboa, durante o mês de Março. 

A UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta apoia este Festival cujo tema desta primeira edição são as mulheres enquanto transmissoras de valores e cultura às gerações mais novas.

Convidamos assim todas/os para celebrar o Newroz (festa da luz), onde teremos música e dança e partilharemos um lanche, assim como conversas sobre o Curdistão, as suas gentes, os seus costumes e as suas artes. Entrada livre.
Warm Up 14032018

QUI, 15 de MARÇO, 18h00 // CICLO GERAÇÕES EM DIÁLOGO, COM HISTORIADORA ALICE SAMARA E LEONOR ROSAS

Na 5.ª feira 15 de Março iniciaremos o Ciclo “Gerações em Diálogo” com a historiadora Alice Samara e sua filha, Leonor Rosas, estudante universitária. 

O objectivo deste ciclo será o de dar a conhecer, todos os meses, gerações de mulheres que se evidenciam pelos seus trajectos emancipatórios numa perspectiva também relacional, de aprendizagens e partilhas entre mulheres de gerações mais velhas e suas descendentes (filhas ou netas).

Ciclo Gerações em Diálogo 15032018

Contamos convosco e com a vossa divulgação.

Saudações feministas da UMAR!

Qua, 19 Março 18h30 // Intergeracionalidade dos Feminismos – workshop

Amanhã a Rede de Jovens para a Igualdade de Oportunidades entre Mulheres e Homens dinamizará no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) um workshop sobre a intergeracionalidade dos feminismos.

Este workshop realiza-se dentro da programação prevista da Universidade Feminista  com a perspetiva de juntar num debate gerações mais antigas e gerações mais jovens, para saber “que causas têm sentido para as mulheres no mundo actual”. Participa!

intergeracionalidade feminimos