SÁB, 24 Março, 15h00 // Sessão Múltiplas Discriminações: Mulheres Ciganas

Mulheres Ciganas é o tema da terceira sessão do ciclo Múltiplas Discriminações que o Projecto Memória e Feminismos da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta está a organizar ao longo de 2018 no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) em Alcântara, Lisboa.

Esta tertúlia decorrerá no Sábado, 24 de Março às 15h00 e contará com a participação de três activistas ciganas, de duas das principais associações de mulheres ciganas no país: a AMUCIP e o recente Centro ROMI.

Mulheres Ciganas 24032018

O que significa ser hoje uma mulher cigana em Portugal? Haverá diferenças na percepção do racismo, discriminação e oportunidades nestas mulheres? Será o tratamento recebido semelhante? O que falta (ou não) conquistar? Estas e outras questões relativas às identidades e direitos serão certamente abordadas neste espaço.

Entrada livre. Evento, aqui.

Anúncios

O CCIF/UMAR ao rubro! Eventos a não perder nos dias 13, 14 e 15 de Março.

O Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) estará ao rubro nesta semana. Iniciaremos os ciclos “Artes e Feminismos” e “Gerações em Diálogo” e acolheremos o “Newroz Party” do Festival de Cinema Curdo, do qual a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta é uma das entidades parceiras.

TER, 13 MARÇO, 18H00 // CICLO ARTES E FEMINISMOS, COM A PINTORA LENA GAL

Na 3.ª feira, 13 de Março daremos início ao Ciclo Artes e Feminismos, cuja primeira sessão contará com a participação da pintora Lena Gal. Entrada livre.

Lena Gal 13032018

QUA, 14 MARÇO, 19h00 // NEWROZ PARTY – Warm-Up do Festival de Cinema e Artes Curdas

Na 4.ª feira, 14 de Março acolheremos o evento “Newroz Party” que abre o 1. º Festival de Cinema e Artes Curdas em Portugal e que dará a conhecer muito da cultura curda (cinema, literatura, pintura e música) à cidade de Lisboa, durante o mês de Março. 

A UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta apoia este Festival cujo tema desta primeira edição são as mulheres enquanto transmissoras de valores e cultura às gerações mais novas.

Convidamos assim todas/os para celebrar o Newroz (festa da luz), onde teremos música e dança e partilharemos um lanche, assim como conversas sobre o Curdistão, as suas gentes, os seus costumes e as suas artes. Entrada livre.
Warm Up 14032018

QUI, 15 de MARÇO, 18h00 // CICLO GERAÇÕES EM DIÁLOGO, COM HISTORIADORA ALICE SAMARA E LEONOR ROSAS

Na 5.ª feira 15 de Março iniciaremos o Ciclo “Gerações em Diálogo” com a historiadora Alice Samara e sua filha, Leonor Rosas, estudante universitária. 

O objectivo deste ciclo será o de dar a conhecer, todos os meses, gerações de mulheres que se evidenciam pelos seus trajectos emancipatórios numa perspectiva também relacional, de aprendizagens e partilhas entre mulheres de gerações mais velhas e suas descendentes (filhas ou netas).

Ciclo Gerações em Diálogo 15032018

Contamos convosco e com a vossa divulgação.

Saudações feministas da UMAR!

O CCIF/UMAR no 8 de Março 2018

O Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) estará ao rubro no dia 8 de Março – Dia Internacional das Mulheres.

De manhã, entre as 10h15 e as 12h30, o CCIF/UMAR estará fora de portas! Será feita uma comunicação sobre o nosso centro no âmbito da estratégia da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta na promoção da cultura e pensamento feministas na cidade de Lisboa desde 2011.

Esta intervenção será feita por Joana Sales,  coordenadora cultural do CCIF e membro da direcção da UMAR, na sessão Comemorativa do Dia Internacional da Mulher da Escola Artística António Arroio.

28378734_2257731464240888_1122652052573388800_n

Ao final da tarde, pelas 18h00, Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR)  fará a Sessão de Homenagem “Experiências de uma luta” às ex-trabalhadoras da Triumph, recuperando a memória das trabalhadoras que ao longo da história fizeram valer os seus direitos. Recorde-se que centenas destas trabalhadoras ficaram sem trabalho este ano, com o fecho da fábrica Triumph de Sacavém, mas que elas lutaram até ao fim, num exemplo de coragem e persistência, permanecendo quase três semanas à porta da fábrica de dia e de noite, protegendo os bens que por direito eram seus.

Cartaz_homenagem

A sessão às 18h00 “Experiências de uma luta” no CCIF/UMAR é aberta ao público, mas o Jantar de Homenagem na Junta de Freguesia de Alcântara às 20h00 é um evento reservado.

A UMAR participará também nas manifestações do 8M de Lisboa (concentração às 18h no Terreiro do Paço) e no 8M de Coimbra (concentração às 16h na Praça da República). Acompanha as dezenas de iniciativas em que a UMAR está envolvida por todo o país no nosso facebook.

POR UM 8 DE MARÇO FEMINISTA E UMARISTA!

QUI, 01 MAR 18h00 // Apresentação do livro de Maria Antónia Palla “Só Acontece aos Outros. Histórias de Violência” pela escritora Inês Pedrosa

Fevereiro está a acabar mas iniciamos o novo mês de Março com várias actividades!

Esta quinta-feira, dia 1 de Março às 18h00 terá lugar no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) a apresentação do recentemente reeditado livro histórico de Maria Antónia Palla, “Só Acontece aos Outros. Histórias de Violência”.

A apresentação estará a cargo da escritora Inês Pedrosa e contará com a participação da autora.

apresentação do livro só acontece aos outros. histórias de violÊncia

A obra publicada pela Sibila, é uma reedição do livro publicado pela Bertrand em 1979 e que se tornou numa referência dos feminismos em Portugal, pela forma como deu a conhecer a violência cometida contra mulheres e crianças no país. Uma compilação de reportagens, casos reais recolhidos antes e depois do 25 de Abril, publicados n’O Século Ilustrado nos anos 1970.

A impressionante actualidade dos temas e casos abordados faz-nos reflectir sobre (a lentidão d)as mudanças sociais.

A entrada é livre.

SEG, 26 FEV 18h00 // Sessão Múltiplas Discriminações: Mulheres Imigrantes

Na próxima semana, 2.ª feira 26 de Fevereiro às 18h00, teremos no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) a segunda sessão do ciclo “Múltiplas Discriminações” do Projecto da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, Memória e Feminismos, sobre Mulheres Imigrantes.

As convidadas são quatro mulheres imigrantes em Portugal, de regiões representativas de grandes vagas imigratórias para o país: América do Sul, África (PALOP) e Leste Europeu.

As intervenientes serão:

  • Carla Fernandes, jornalista, fundadora do RádioBlog Afrolis em 2014;
  • Cyntia de Paula, psicóloga comunitária, Presidente da Casa do Brasil de Lisboa;
  • Alina Dudcó, Presidente da associação Kalina – Associação dos Imigrantes de Leste;
  • Patrícia Peret, advogada especialista em direito migratório e direito civil.
    ImigrantesCCIFUMAR

Um debate a não perder. Ver evento.

Entrada livre.

SÁB, 17 FEV 14h00-18h30 // Workshop do 1.º Festival Feminista de Lisboa

 

Este Sábado, 17 de Fevereiro entre as 14h00 e as 18h30, o Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) acolhe o workshop Linguagem Audiovisual e Roteiro do 1.º Festival Feminista de Lisboa.

Este workshop abordará as etapas da realização de um produto audiovisual, dando especial atenção à produção do roteiro e exercitando sua primeira etapa, a criação de personagens. No âmbito desta actividade, dar-se-á prioridade a produções de mulheres e à representação do feminino no audiovisual.

27747661_207401329814966_3785972422136501552_o

Professorxs:

Maria Bento:
Maria Bento se especializou em edição de cinema na Escola Darcy Ribeiro. Começou a trabalhar como assistente de edição em 2009 e desde então participou de projetos para TV (Globo Educação, Cooperar é um bom negócio), Institucionais (Vale, Mostra Humaniza SUS) e cinema (A Alma da Gente de Helena Solberg; Fla x Flu – 40 minutos antes do nada de Renato Terra e Extras do DVD do filme Canções, de Eduardo Coutinho). Como editora participou dos projetos de TV Globo Ciência (TV Globo e Futura), Esquinas (Canal Brasil), Capoeira (TV Brasil), Que Marravilha (GNT), Desejar Profundo, Irmãos Vaz (OFF); e dos curtas Drummond: Testemunho da Experiência Humana, de Maria de Andrade, Santo de Casa, de João Costa (selecionado no Festival Internacional de Filmes Curtíssimos de 2012), No Caminho da Água, Projeto do Instituto Reação, A Feira do Nordeste, por um poeta cabra-da- peste, de Maria de Andrade e Doido pelo Rio Márcio Câmara (selecionado no Festival do Rio de 2011).

Catarina Bizarro: 
Catarina Bizarro é guionista na produtora SP Televisão, onde escreveu “Os nossos dias”, “Bem-vindos a Beirais”, “Os nossos dias 2”, “Amor Maior” e “Espelho d’água”. Concluiu o curso de Escrita para cinema, televisão e novos média na Restart e foi convidada a estagiar na 9ª temporada da série “Morangos com Açúcar”. Participou também da escrita de alguns episódios da novela “Destinos Cruzados”. Neste momento, tem em fase de produção uma novela e uma série que escreveu. Formou-se em Comunicação Social em 2009.

Thiago Dantas:
Thiago Dantas atua há mais de seis anos como roteirista. Sócio e fundador da produtora de narrativas Vostok, cria, desenvolve e roteiriza projetos autorais e sob demanda. Para a produtora Conspiração, a maior produtora independente da América Latina, escreveu séries diversas de ficção e não ficção, com experiência em set e pós-produção, tais como: Detetives do Prédio Azul – 1ª e 11ª temp. (Gloob), Planeta Palavra (animação/infantil, em desenvolvimento – TV Brasil), Bela Cozinha – da 2ª à 7ª temp. e especiais (GNT), Vida + Bela (GNT), Vai que Cola – 1ª temp. (Multishow), Minha Estupidez (GNT), Amor Verissimo – 2ª temp. (GNT), Uma Rua Sem Vergonha (Multishow), Detox do Amor (GNT), Batalha de Quiosques (MTV), Vai Dançar (Multishow). Formado pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com habilitação em Audiovisual e intercâmbio em Cinema na Université Sorbonne Nouvelle – Paris 3, especializou-se na área de roteiro por meio de diversos cursos e seminários, tais como Story de Robert Mackee.

Inscrições: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeoeozSR7NhbBLyZCpVgCYISxDTyoQySLcAxpExVPXPADj_RQ/viewform?c=0&w=1

 

SEX, 9 FEV às 18h30 // Apresentação do livro “Moda e Feminismos em Portugal. O Género como Espartilho”

Na próxima sexta-feira, dia 9 de Fevereiro às 18h30 será apresentado no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) o recente livro da socióloga Cristina L. Duarte “Moda e Feminismos em Portugal. O Género como Espartilho” publicado pela editora Temas e Debates.

De carácter interdisciplinar, este livro analisa a relação entre moda e género, através das práticas, representações e modelos socioculturais da moda, inscritas nos quotidianos de dezenas de mulheres ao longo de três gerações.

Moda e Feminismos

O livro será apresentado pela autora Cristina Duarte e estarão presentes algumas das gerações de mulheres (avó, mãe e/ou filha) entrevistadas para este estudo, que parte da sua tese de doutoramento.

Entrada livre.

 

QUI, 1 FEV, 18h00 // Apresentação do livro “Marquesa de Alorna. Querida Leonor”

O primeiro mês do ano está quase a terminar mas a programação de Fevereiro no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR)  também promete!

No dia 1 de Fevereiro às 18h00 terá lugar a apresentação do livro juvenil “Marquesa de Alorna. Querida Leonor” da historiadora e feminista “umarista” Luísa Paiva Boléo sobre a grande figura de Marquesa de Alorna.

Com óptimas ilustrações de André Carrilho este livro foi publicado em 2017 pela editora Pato Lógico em parceria com a Imprensa Nacional Casa da Moeda.

A apresentação estará a cargo do escritor e historiador Alexandre Honrado, com a presença da autora.

Alorna

Sobre o livro: Aristocrata e poetisa, Leonor de Almeida Portugal nasceu em 1750, viveu a adolescência reclusa num convento, por causa do escândalo envolvendo os Távoras, e só mais tarde, já adulta, se tornou numa influente patrona das artes.

Segundo a autora Luísa Paiva Boléo, “Esta jovem mulher tem sede de liberdade e depois de alguns meses de descanso e encontros com parentes e amigas, percebe que o país não está preparado para a sua abertura de espírito e rebeldia”.

Entrada livre.

QUI, 25 JAN, 18h30 // Ciclo de Conversas sobre Menstruação

Esta 5.ª feira 25 de Janeiro terá lugar no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) a segunda sessão do Ciclo de Conversas sobre Menstruação, com a convidada Tai Barroso.

Inscrições para: gata.lisbon@gmail.com

26814545_10155671916874760_1921097284722115226_n.jpg

Uma iniciativa do GATA (Group for Activism and Transformation through Art).

 

SÁB, 20 JAN, 15h00 // Múltiplas Discriminações: mulheres lésbicas e trans

Inserida no novo Ciclo de Tertúlias “Múltiplas Discriminações” a realizar-se no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) esta primeira actividade será dedicada à temática das discriminações das mulheres lésbicas, bissexuais e/ou trans.

As cinco convidadas, Alexa Santos, Clara Carvalho, Eduarda Ferreira, Isabel Bento e Júlia Mendes Pereira são activistas de referência nas lutas e movimentos associativos LGBTQI em Portugal.

Múltiplas Discriminações.png

Uma iniciativa do Projecto Memória e Feminismos da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, que já vai na sua sexta edição, ao abrigo da pequena subvenção da CIG. 

Entrada livre.