DOM, 15 OUT, 10h-17h // 1º Encontro Nacional de Formadoras/es da UMAR

21764984_10155353077959760_1063720915327085690_n

A UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta obteve a sua acreditação como entidade formadora em 2009 e a certificação em 2016. Contudo, o seu percurso e experiência de formação remontam à década de 1990.

A área da formação tem merecido a melhor atenção e tornou-se um grupo de trabalho específico: o FORUMAR, grupo formado por uma equipa pedagógica e uma estratégia formativa empenhada no crescimento dos/as profissionais envolvidos/as e na disseminação de conhecimento.

Desenvolvido no seio de uma associação feminista este grupo é dotado de metodologias próprias e a sua missão é capacitar públicos variados para uma resposta concertada e eficaz na promoção da igualdade de género e prevenção e combate à violência de género, assim como outras discriminações.

A Bolsa formativa do FORUMAR integra um conjunto de formadoras/es especializadas/os capazes de uma resposta diferenciada e de qualidade.

No 1.º Encontro Nacional de Formadoras/es da UMAR, a decorrer no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) no Domingo, 15 de Outubro das 10h00 às 17h00, queremos contar com a sua presença e contribuição para enriquecer o nosso plano estratégico futuro.

Assim alguns dos objectivos deste encontro são:
* Partilhar saberes e perspectivas de formação;
* Reflectir sobre as especificidades de uma formação feminista;
* Produzir conhecimento sobre estratégias de aprendizagem e de trabalho na formação;
* Contribuir para a expansão da oferta formativa do FORUMAR.

A estratégia de trabalho será participativa, recorrendo a metodologias activas de grupos de trabalho e dinâmicas pedagógicas.

Informações úteis:
* Entrada livre mediante confirmação de presença até 12 de Outubro para o email: umar.sede@sapo.pt.
* Confere Certificado de Participação.
* A UMAR assegura despesas de deslocação (contacte-nos para mais informações).
* O almoço é livre; existe possibilidade de utilização do micro-ondas e das utilidades da cozinha no espaço da nossa sede; Pingo Doce e cafés encontram-se também muito perto.

Contactar o FORUMAR:
* Para uma formação à medida das suas necessidades, da sua associação ou empresa.
* Para saber mais sobre as próximas formações.
* Se desejar integrar a nossa Bolsa de Formadores/as.

Lisboa: forumar.lisboa@gmail.com | Porto: forumar.porto@gmail.com

Anúncios

SÁB, 8 JUL, 14h30-18h00 // A voz de feministas num percurso de 40 anos

Este Sábado, Seminário do Projecto Memória e Feminismos “A voz de feministas num percurso de 40 anos”, promovido pela UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, com o apoio da pequena subvenção da CIG – Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, que decorrerá no dia 8 de Julho entre as 14h30 e as 18h00 no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) em Alcântara, Lisboa.

O evento contará com as intervenções de:

  • Adriana Bebiano, Entre o recato e o escândalo a reivindicação do corpo pela escrita
  • Anália Torres, Feminismos: do ativismo à academia, reflexões a partir de um percurso pessoal
  • Eduarda Ferreira, Lésbicas e movimento feminista: presenças, partilhas e invisibilidades
  • Helena Neves, Revista Mulheres: aparição e escândalo
  • Manuela Tavares, 40 anos de percursos e desafios
  • Regina Tavares da Silva, Igualdade e direitos das mulheres – sinais de mudança na visão institucional
  • Teresa Sales, sessão de abertura e moderação do debate
  • Teresa Fragoso (Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género).

 

Entrada livre. Evento, aqui.

memorias_40_anos

Saudações feministas da UMAR

QUI, 6 Julho, 18h00 // Simpósio Sexismo nas Universidades em Portugal

19554410_1098739493559018_4075777828420605279_n - Cópia

Na próxima 5.ª feira, 6 de Julho, entre as 18h00 e as 20h00, terá lugar no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) o Simpósio “Sexismo nas Universidades em Portugal” que pretende criar um espaço de discussão sobre as diferentes manifestações de sexismo nas universidades em Portugal.

De forma mais ou menos explícita, é possível identificar sexismo nas mais diversas áreas de conhecimento científico e em todos os aspetos da vida universitária: nos currículos, nas praxes, nas associações académicas, na progressão na carreira docente, na linguagem, no valor atribuído a diferentes disciplinas, na distribuição dos cargos de gestão ou nas dinâmicas de assédio sexual. Este sexismo não existe isoladamente e funciona em interseção com outras dinâmicas de discriminação, incluindo o racismo ou a homofobia.

Um dos pontos de partida para a discussão será o livro Power, Knowledge and Feminist Scholarship: an Ethnography of Academia, da autoria de Maria do Mar Pereira, que oferece uma análise etnográfica de algumas destas formas de sexismo académico, e que será lançado neste evento, que contará com as participações de:

Thais França (ISCTE-IUL; CIES-IUL)
Virgínia Ferreira (Universidade de Coimbra; Presidente da APEM – Associação Portuguesa de Estudos sobre as Mulheres)
Maria do Mar Pereira (Universidade de Warwick; CIEG-UL; CEMRI-UA)
Teresa Fragoso (Presidente da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género)
• representante da Associação de Estudantes da FCSH-UNL (a confirmar)
Clara Oliveira (CIEG-UL) (moderação)

19554410_1098739493559018_4075777828420605279_n

Entrada livre!

Evento: https://www.facebook.com/events/730402773811316/

Organização: Centre for the Study of Women and Gender da University of Warwick, com o apoio da e-APEM (Rede de Estudantes e Investigadorxs Emergentes da Associação Portuguesa de Estudos sobre as Mulheres (APEM)), UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR).

SEX 30JUN, SÁB 01JUL e DOM 02JUL // Primeiras Jornadas: Prisões e Mulheres

Inscrições ainda abertas, aqui.

Programa das Primeiras Jornadas “As Prisões e as Mulheres”

Sexta, 30 de Junho
18:00-18:30 / Abertura das Jornadas
18:30-21:00 / Tertúlia sobre prisões

Sábado, 1 de Julho
10:00-12:30 / Toda a prisão é uma prisão política
-Ana Costa de Almeida
-Aurora Rodrigues
-Grupo LPML-Maria de Lurdes

12:30-14:00 / Almoço Livre

14:00 – 14h30 Apresentações do livro “Mulheres Guerreiras”
14:30-16:30 / Prisões e Mulheres
-Catarina Fróis com apresentaçao do seu último livro
“Mulheres condenadas Histórias de dentro da Prisão”
https://escritores.online/mulheres-condenadas-historias-de…/
-Ricardo Loureiro – Direitos Humanos, Prisões e Mulheres

16:45-18:45 / Redes Familiares e Prisões
– Testemunho(s) de mulheres com familiares em prisão *
– Ana Sofia Freitas – Rede “Children of prisoners”
http://childrenofprisoners.eu/
– Carla Mendes – Projeto Trampolim E6G
19:00 / Documentário: Anti-Mulleres. Existir Mal
https://www.youtube.com/watch?v=t3cXOwF2FcM

Domingo, 2 de Julho
10:00-11:30 / Grupos de apoio e de resistência de mulheres presas
– Salhaketa
http://www.salhaketa.org/
-Mulheres encarceradas elas existem – Brasil *
https://elasexistem.wordpress.com/
-Pastoral Carcerária Nacional – Brasil*
http://carceraria.org.br/

12:00-13:30 / Perspectivas futuras conjuntas
-António Pedro Dores – Observatório Europeu das Prisões
-União de Mulheres Alternativa e Resposta- UMAR

As jornadas irão organizar-se em mesas redondas com pessoas convidadas para iniciarem o debate e reflexão colectiva entre todas.

mulheres e prisoes

SEX 30JUN, SÁB 01JUL e DOM 02JUL // Primeiras Jornadas: Prisões e Mulheres

e7056e_85dd1aced1f44d618a733939bd6268e8~mv2

As Primeiras Jornadas: Prisões e Mulheres têm origem no trabalho colectivo de diversas pessoas (com trabalho em associações, organizações e projetos académicos comprometidos com a defesas dos direitos das pessoas presas e suas famílias) que estão a organizar este evento com a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e o OEP – Observatório Europeu das Prisões.

As Primeiras Jornadas: Prisões e Mulheres decorrerão em Lisboa, no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) no seguinte horário:

  • 6.ª feira, 30 de Junho (18h00-21h00)
  • Sábado, 1 de Julho (10h00-21h00)
  • Domingo, 2 de Julho (10h00-13h30)

Inscrições gratuitas mas obrigatórias, aqui.

Evento: www.facebook.com/jornadas.prisoes.mulheres.2017/

Portal do evento: https://jornadasprisoesemu.wixsite.com/2017

Programa: https://jornadasprisoesemu.wixsite.com/2017/programacao

mulheres e prisoes

TER, 27 JUN, 18h-20h // Workshop Violência no Namoro

Na próxima 3.ª feira, 27 de Junho, a Universidade Feminista organiza, juntamente com o Projecto Arthémis+ da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, um workshop no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) dirigido a profissionais que trabalham na área da violência de género, sobre violência no namoro.

O workshop será dinamizado pelas técnicas da UMAR, Ana Guerreiro e Tatiana Mendes.

A participação é gratuita, bastando inscrever-se para o e-mail universidadefeminista@gmail.com, indicando nome, contacto e profissão.

Ws Violencia Namoro

 

 

SEX, 9 Junho 18h30 // Debate Prostituição / Trabalho Sexual

Convite para o debate no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) organizado pela Universidade Feminista sobre Prostituição / Trabalho Sexual.

Participação de: Alexandra Oliveira, Isabel Rebelo, João Torres e Manuela Tavares.
Moderação: Eduarda Ferreira

Entrada livre!

18557410_1397675283654790_3327080846985994785_n

SÁB, 03 JUN, 10h00-12h30 // 3.ª Edição do Workshop Autodefesa para Mulheres

Depois do sucesso dos workshops de Autodefesa para Mulheres realizados nos dias 22 de Abril e 6 de Maio no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) em Alcântara (Lisboa), organizaremos a 3.ª EDIÇÃO DO WORKSHOP “AUTODEFESA PARA MULHERES” no SÁBADO, 3 de JUNHO, entre as 10h00 e as 12h30!

As inscrições através do e-mail: centroculturafeminista@gmail.com

Instrutor: Caio Novaes da Rounds Academy, em Lisboa

18449279_1417271888329505_1948358147836936672_o

TER, 16 de Maio, 18h30 // Exibição do Documentário #Resistência

Na semana em que o afastamento de Dilma Rousseff completa um ano, a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e a Universidade Feminista organizam uma sessão de exibição no Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) em Lisboa, Alcântara, do recém-lançado documentário brasileiro #Resistência, na próxima 3.ª feira, 16 de Maio às 18h30.

O filme, de 55 minutos, conta a história das ocupações político-culturais que ocorreram em todo país, imediatamente após a votação ocorrida na Câmara dos Deputados, que consagrou o golpe de Estado de 2016 com a votação que ditou o afastamento da primeira mulher eleita presidenta do Brasil, Dilma Rousseff.

#Resistência seguiu durante meses as manifestações e os movimentos de ocupação de edifícios públicos pela exigência de direitos constitucionais (como cultura, educação, igualdade de género e democratização dos media) de resposta a este processo do golpe, que culminou com o impeachment de Dilma Rousseff e seu vice, Michel Temer, tomando posse como presidenta do Brasil.

Entrada livre.

Evento: Exibição do Filme #Resistência no CCIF/UMAR

#ForaTemer #FeministasContraoGolpe

 

Esta semana no CCIF/UMAR! QUI, 4 Maio: Apresentação do livro “As Sem-Abrigo de Lisboa” | SÁB, 6 Maio: Workshop “Autodefesa para Mulheres”

A UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e o seu Centro de Cultura e Intervenção Feminista têm o prazer de convidar para a próxima 5.ª feira, 4 de Maio às 18h30 para a sessão de apresentação do livro “As Sem Abrigo de Lisboa: Mulheres que Sonham com uma Casa” com a presença da autora, Ana Ferreira Martins e de Elisabete Brasil, directora executiva da UMAR para a área da violência de género. Entrada livre!

As Sem Abrigo de Lisboa

Relembramos que no Sábado, 6 de Maio entre as 10h00 e as 12h30 terá lugar a 2.ª edição do Workshop de Autodefesa para Mulheres. Inscrições abertas até 3 de Maio para o e-mail: centroculturafeminista@gmail.com . Valor 5 defesas.

2 ws autodefesa

Saudações feministas da UMAR!