QUI, 22 Maio, 18h30 // Cine-debate com exibição do filme “Que bom te ter viva” de Lúcia Murat

No âmbito do 50º aniversário do golpe militar no Brasil de 1964, o Centro de Cultura e Intervenção Feminista (CCIF/UMAR) vem assinalar e reforçar o papel das mulheres brasileiras na luta contra a ditadura militar, exibindo, na próxima 5ª feira, 22 de Maio às 18H30, o premiado filme “QUE BOM TE TER VIVA” (1989), de Lúcia Murat.

Seguir-se-á um debate com as ex-resistentes Heliana Bibas e Sílvia Montearroyos.

Esta iniciativa à qual a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e o Centro de Cultura e Intervenção Feminista CCIF/UMAR aderem, integra-se na programação «Para não esquecer 1964 e a ditadura militar brasileira», organizada pelo CLEPUL da Universidade de Lisboa e a Casa do Brasil de Lisboa.

ENTRADA LIVRE!

Cilque na imagem para AUMENTAR
Cilque na imagem para AUMENTAR
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s